terça-feira, 23 de fevereiro de 2010

Cadeiras de rodas anfíbias, novidade em SP, devem chegar a mil até final do ano

Comente!

Produção é feita no Estado e faz parte do programa Praia Acessível que deve trazer novidades até março

Dar melhor qualidade de vida a toda à população do Estado de São Paulo é mais uma das metas do Governo. E cada vez mais, programas são criados para atender a esse objetivo. É o caso do programa Praia Acessível, lançado no último dia 15, que permite que pessoas com deficiência tenham pleno acesso às praias paulistas. Para isso, a Secretaria dos Direitos da Pessoa com Deficiência projetou uma cadeira de rodas anfíbias especial, que não afunda na areia e que flutua na água.
A idéia de se criar um produto desse tipo, de acordo com a secretária dos Direitos da Pessoa com Deficiência, Linamara Battistella, surgiu de um desafio do governador José Serra que pretendia que as pessoas com deficiência tivessem acesso ao banho de mar e ao lazer da praia como qualquer outro brasileiro.
O processo de criação envolveu os técnicos da Secretaria na busca de soluções que já existem na Europa, nos Estados Unidos e que significassem superar a areia da praia e permitisse a entrada no mar em segurança. "porque a questão de a pessoa estar numa cadeira que permite o deslocamento mais rápido evita que a criança ou adulto que esteja dentro do mar seja levado pela água e tenha dificuldade para ser salvo. A cadeira tem o requisito de segurança que é fundamental quando imaginamos o risco inerente ao banho de mar", explicou a secretária.
O modelo de cadeira escolhido para o Praia Acessível foi o usado nas praias francesas, devidamente adaptado aos padrões nacionais de componentes existentes no mercado. "Ela é inteiramente fabricada no nosso Estado, a partir de uma parceria entre a Secretaria de Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência e a Baxmann e Jaguaribe, que é uma fábrica especializada em cadeiras de rodas que não tinha esse modelo, mas que se dispôs a desenvolver um protótipo que foi testado por nossos especialistas, aprovado e a partir daí foi desenvolvido o produto que está sendo distribuído nas praias do nosso litoral", disse Battistella.
A curto prazo, serão produzidas cem cadeiras que estarão disponíveis nas praias paulistas. E ainda de acordo com a secretária, até o final do ano o governador Serra pretende colocar mil cadeiras em todas as praias do Estado, sejam elas de rio ou de mar. "Ele entende que o lazer é um direito do cidadão. E o lazer e o entretenimento constroem uma personalidade capaz de superar todos os obstáculos", afirmou.

Novos projetos de inclusão

Os novos projetos da Secretaria dos Direitos da Pessoa com Deficiência seguem na área de inovação, hoje uma das principais preocupações da pasta. "Em parceria com a Secretaria de Desenvolvimento, estamos criando um núcleo de tecnologia e inovação, que vai significar inovação no desporto, mesmo porque precisamos preparar nossos atletas paraolímpicos para a disputa de 2016, inovações na área de comunicação e mobilidade", revelou Battistella.
No que toca a área de entretenimento e lazer, além dessa cadeira de rodas anfíbias, a secretaria também está desenvolvendo passarelas, que serão totalmente compatíveis com o meio ambiente para facilitar a mobilidade das pessoas com deficiência até a praia. "Elas estarão distribuídas em todas as praias do litoral e receberão as passarelas as praias que tiverem condições de balneabilidade, de acordo com a Cetesb. É um projeto em colaboração com a Sabesp", contou.
O Programa Praia Acessível ainda terá também banheiros acessíveis, o que significa ter um local para higiene pessoal da pessoa com deficiência, a fim de retirar a areia e até para uma limpeza mais adequada ao sair do banho. "O Praia Acessível significa então, a cadeira, a passarela e o banheiro. A primeira etapa já foi vencida e as outras etapas estão em fase de finalização. O projeto da passarela será discutido com os prefeitos da Baixada Santista em breve e as primeiras passarelas estarão disponíveis em meados de março", confirmou a secretária.
As informações são da Secretaria dos Direitos da Pessoa com Deficiência

Foto: A curto prazo, serão produzidas cem cadeiras que estarão disponíveis nas praias paulistas. (Foto Divulgação )
Fonte: Midiacon

DEFICIENTE ALERTA foi criado para orientar,educar,protestar e ajudar todos com deficiência. www.deficientealerta.blogspot.com

0 comentários:

Postar um comentário